ENTRETENIMENTO A SERVIÇO DA EDUCAÇÃO E DA ESPIRITUALIDADE

WILL KUMAKURA

Will e Júlia, responsáveis pelo Vestigia

ENTREVISTA

Por Fernando Passarelli

No universo de conteúdo que a internet oferece, principalmente pelas redes sociais, é uma alegria sem fim quando aparece um projeto de qualidade e original. O trabalho desenvolvido pelo Vestigia é assim. E, por esse motivo, tem merecidamente alcançado visibilidade, dentro e fora do meio cristão. As tiras e HQs no estilo mangá são desenvolvidas, com capricho, pelo casal Will e Júlia Kumakura. Os dois se conheceram na faculdade de Design Gráfico, onde começaram a namorar. O Will está por trás do desenhos e do roteiro. A Júlia, da arte finalização, da revisão e também dos roteiros. E fruto dessa união já abençoa a vida de muita gente. O Will conversou com o Deus no Gibi sobre o Vestigia e o projeto de um mangá cristão totalmente feito no Brasil, que acabou de ser lançado. Confira a seguir:

DEUS NO GIBI – Como surgiu o Vestigia HQ e essa ideia de produzir quadrinhos cristãos no estilo mangá?

WILL KUMAKURA – Eu sempre amei ler quadrinhos, principalmente mangás. Quando me converti, e comecei entender o que era uma vida cristã, procurei por esse tipo de material e vi que é muito escasso. Senti vontade de iniciar um projeto desse tipo e então passei a ideia para Júlia, que também sempre sonhou com algo do tipo, e então começamos. O próprio Jesus usava parábolas, que eram uma forma de ilustrar algo de difícil compreensão, e nosso projeto segue essa mesma linha! Nosso objetivo desde o início é apenas um; levar Jesus e a Palavra de Deus às pessoas!

DEUS NO GIBI – Como conseguem conciliar a rotina da vida com a produção de conteúdo para o site?

WILL KUMAKURA – Essa é a parte mais complicada. Somos casados, trabalhamos, congregamos em uma igreja batista local, e temos os afazeres do dia a dia, então o tempo restante para investir em conteúdo é bem pequeno. Porém, amamos fazer, e isso nos dá forças para utilizar o tempo livre para esse fim. Oramos também diariamente para que, se for da vontade de Deus, Ele nos capacite a continuar o projeto – e cremos que até o momento ele tem permitido! Nosso sonho é um dia poder trabalhar integralmente com os mangás.

DEUS NO GIBI – Quando surge algum filme novo de heróis, logo surge uma ilustração do Vestigia sobre o tema. Como o público recebe isso?

WILL KUMAKURA – O pessoal gosta bastante! Imagino que não só a gente, mas todos que conhecem a Bíblia, ao assistir um filme ou algo do tipo vai relacionar certas situações com a Palavra de Deus. Então, tudo que fazemos é passar esse sentimento para uma ilustração. Era natural assistir um filme de herói, ter ideias e criar uma tirinha com isso. Mas no momento sentimos que esse tipo de conteúdo ficou meio defasado, acabou ficando “forçado” para nós, então faremos somente se realmente for interessante.

DEUS NO GIBI – Nos comentários de algumas postagens do Vestigia, no Facebook, dá pra perceber o entusiasmo – e até o espanto – de algumas pessoas, por encontrar mangás cristãos. Existe muito mercado para as HQs de conteúdo religioso, nesse estilo?

WILL KUMAKURA – Acredito que esse tipo de material cristão é pouco divulgado e não muito conhecido. Eu mesmo acho difícil encontrar algo do tipo. Outra questão é a qualidade. Muitas vezes até encontramos, mas a qualidade de algo cristão, como roteiro, traços etc, é muito inferior, o que é muito triste. Por isso, tentamos nos dedicar nessa questão e melhorar cada vez mais. Acreditamos que os cristãos têm potencial para fazer muito melhor.

DEUS NO GIBI – Como está o projeto de produção de um mangá cristão totalmente nacional, anunciado pelo Vestigia?

WILL KUMAKURA – Estamos a todo vapor! No momento o capítulo 1 está sendo finalizado, já passamos da metade. Estamos fazendo totalmente a mão, sem auxílio nenhum de softwares, a não ser para os textos. Creio que em breve colocaremos em nossa página, e se houver aceitação do público, daremos continuidade nos próximos capítulos até fecharmos um volume, e então publicaremos a edição física.

DEUS NO GIBI – Qual a HQ que mais teve repercussão no site?

WILL KUMAKURA – Acredito que foi uma que fizemos esse ano, na páscoa, da vitória de Cristo sobre a morte. O alcance, somente no Facebook, em nossa página, ultrapassou 1 milhão de pessoas. E ficamos contentes com isso, pois dessa forma conseguimos espalhar um trecho da palavra de Deus. Recebemos muitas mensagens legais, inclusive de pessoas não-cristãs.

DEUS NO GIBI – Um dos projetos lançados pelo site foi a produção de uma arte, para decorar uma sala de aula de uma igreja do município de Cascavel, no Paraná – a “armadura de Cristo”, estilizada como um Cavaleiro do Zodíaco. Qual a reação dos alunos daquela igreja?

WILL KUMAKURA – Recebemos mensagem da missionária dizendo que as crianças amaram! Imagino que é verdade, porque quando criança eu me encantava com esse tipo de coisa! A ilustração tem um poder muito grande no aprendizado e no entendimento.

DEUS NO GIBI – Que conselhos dão para os jovens artistas cristãos que querem seguir carreira e produzir quadrinhos on line?

WILL KUMAKURA – Gostaria de deixar uma listinha, de alguns conselhos e dicas que aprendemos nos últimos anos:

1) Acredito que o mais importante é colocar diante de Deus seus projetos e sonhos; creio que Ele é quem irá realizar e concretizar, se for de Sua vontade.
2) Nunca desistam, pois não é fácil; exige tempo, dedicação e persistência. Hoje pode dar errado e não ter repercussão, mas amanhã é um novo dia.
3) Sempre façam um trabalho com todo capricho. Afinal, se estamos fazendo para Deus, não dá pra fazer de forma relaxada.
4) Estude a Bíblia. Para criar material cristão, é necessário conhecer sobre o que você está falando. Tente sempre cobrir todas as brechas, para que não saia nada de errado.
5) Tenham a mente preparada e firme, pois o público, apesar de tudo, critica muito e causa intrigas por conta de doutrinas e coisas do tipo.
6) Se você ama desenhar, simplesmente faça! Para mim, desenhar é algo que traz prazer e satisfação, alegria e emoção. Não deixe seu talento morrer, invista nele.
7) “Pois Deus é o rei de toda a terra; cantem louvores com harmonia e arte.” – Salmos 47:7. Louve a Deus com sua arte, ela tem o poder de inspirar e tocar pessoas!
8) Seja humilde, aprenda com seus erros e ouça todas as pessoas, até as que não querem claramente ajudar, porque podem, de alguma forma, ensinar algo.

Para conhecer o Vestigia, acesse:
http://www.vestigiahq.com.br/

Baixar em PDF